quinta-feira, 22 de outubro de 2015

Qual destes condutores mais vos irrita?

Na autoestrada, qual é o tipo de condutor que mais vos irrita?

- O Acelerado: faz Lisboa-Porto em 12 minutos (inclui uma paragem numa Área de Serviço) sempre na faixa da esquerda. Encosta-se frequentemente à traseira dos carros, a fazer sinais de luzes, para o deixarem passar. Dá vontade de travar a fundo para ele ficar a fazer de pega-monstro na traseira do nosso carro.

- O Empecilho: frequenta normalmente a faixa do meio. Muitas vezes vai devagar porque a condução lhe perturba o envio de SMS. Quando passamos para a faixa da esquerda para o ultrapassar, lembra-se de começar a acelerar. E muitas vezes ainda atira um olhar ofendido.

- O Artista: serpenteia a alta velocidade pelas três faixas para se ir desviando dos carros. Embora tenha os movimentos da Snake do Nokia 3310, esquece-se que o Honda Civic de 1992 dele não é indestrutível como esse telemóvel. Não usa piscas.

- O Chico-Esperto: quando o trânsito está lento numa faixa, ultrapassa toda a gente e tenta "enfiar-se" mais à frente na fila. À bruta. E, quando se consegue meter, ainda acena com cara de parvo a agradecer o facto de ter acabado de enrabar uma fila inteira sem vaselina.

- O Curioso: leitor assíduo do Correio da Manhã, este é o campeão que abranda para ver os acidentes. Só não pára completamente porque parece mal e as pessoas apitam. Por ele havia acidentes de 5 em 5 Km e desencarcerava com os dentes os ocupantes de qualquer veículo só para poder ver sangue de mais perto.

14 comentários:

  1. O Empecilho, sem dúvida alguma.
    E queria eu que os únicos empecilhos com que me cruzo fossem apenas os de estrada!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também existem os Empecilhos de Passeio: aqueles que caminham, lado a lado, à conversa, vagarosamente, e que não deixam uma pessoa passar!

      Eliminar
  2. Olha que ainda tens o "empecilho chico-esperto" que vai devagar mas na faixa da esquerda, forçando-nos a ultrapassar pela direita.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Esses raramente apanho. Eu ando sempre na do meio. Só vou à esquerda para ultrapassar! :P

      Eliminar
  3. O Artista. Gente que não usa o pisca devia falecer

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Confere. Também acho que é o que mais me irrita.

      Eliminar
  4. Mães que conduzem: são aquelas acéfalas que falam com o bebé pelo espelho retrovisor e ocupam 2 faixas e ficam muito irritadas quando levam uma buzinadela, por colocarem em perigo a criança e os outros e ainda mexem os lábios dizendo "bebé a bordo!!!". Por norma, respondo com um educado "coitado do bebé".
    Idosos e suas senhoras: aqui está uma dupla que mete medo a qualquer um dos restantes condutores. O Idoso está morto mas conduz um carrão. Não percebe que não está só na estrada. Não ouve, vê mal e porcamente e insiste em passar qual camelo em buraco de agulha. Agora se aquilo der para passarem 3 camiões TIR o Idoso nem se mexe. A sua senhora faz a vez do polícia sinaleiro para os restantes condutores, mas fica quieta e muda quando o Idoso fala com ela.
    Pitas com unhacas de gel que conduzem os carros dos gajos que as sustentam: meninas, não quero saber de que forma pagais, quero é que parem de travar sempre que vislumbram outro papalvo com mais dinheiro. Não dá muito jeito trocarem números de telefone no meio do trânsito.
    Senhoras que acham que são gajos: vá lá, o Opel Corsa cor de rosa já é rasca qb.
    M.Lopes

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahahah, genial. Este comentário dava um post! :)

      Eliminar
  5. O Empecilho e o Curioso são-me particularmente "queridos"... :P

    ResponderEliminar
  6. A mim o que mais me enerva é o empecilho... Apanha-se com cada um!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quando o tentamos ultrapassar e ele começa a acelerar dá vontade de lhe dar dois tiros, não é? :P

      Eliminar
  7. Pior, pior é o cheira rabos, sempre a querer empurrar o nosso: se eu for a comer sono até acelero, mas se já for acima da velocidade passo a cumpri-la, só para chatear!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Dá-me sempre vontade de travar. Sempre. Ainda há dias fiz isso a um gajo numa mota. Só para o assustar.

      Eliminar