quinta-feira, 12 de junho de 2014

Deus Nosso Senhor e os arredondamentos

A minha experiência de vida leva-me a crer que sou um anti-fashion blogger. Não quero com isto dizer que não gostasse de dançar samba na horizontal com algumas fashion bloggers da nossa praça, até porque as há por aí bem fofinhas. Aliás, das primeiras coisas que reparo numa gaja é a forma como se veste. Mas detesto fazer compras, detesto saldos, detesto lojas, e detesto modas.
No Domingo fui comprar uns sapatos. Sou esquisito para burro, pelo que no total de três sapatarias que visitei, só vi uns sapatos de que gostasse minimamente. Pedi para experimentar o 43, que constatei que me ficava apertado. Depois pedi o 44, e ficava-me largo. Não é a primeira vez, nem a segunda, que me acontece: foi a terceira. Está cientificamente comprovado que o meu número deve ser o 43,5.
Quando tirei pela última vez Bilhete de Identidade, media 1,83m. Posteriormente, quando tirei o Cartão de Cidadão, e embora não estivesse já em fase de crescimento, media 1,84m. Ora, isto faz-me acreditar que a minha altura real deve ser de 1,835m.
Com isto chego à brilhante conclusão de que Deus me fez com a máxima precisão possível. Ao milímetro. Mas se por um lado soube ser tão meticuloso na altura de esboçar os contornos dos meus pés e da minha altura, a verdade é que quando foi para fazer outras partes do meu corpo, ele não teve mãos a medir na hora de me dotar. Foi tudo à grande e à francesa.

                                                          #PublicidadeEnganosa    

22 comentários:

  1. Foste um ser bastante abençoado, não é para todos esse desenho ao mm :P

    ResponderEliminar
  2. Então quer dizer que o teu nariz tem 24,5cm? :P

    ResponderEliminar
  3. Se andares sempre com as unhas dos pés bem cortadinhas essa tarefa herculeana de comprar sapatos torna-se mais fácil! Já o resto do corpo, a água fria tem sempre aquele efeito :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pxéééé...! As minhas unhas andam sempre impecáveis, oh..!

      Eliminar
  4. Txxxxxxxxxxxxiiiii...txiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii...parou!
    Esta pobre Maria até suspirou de emoção com tanto pormenor.
    Menino Pedro este post chega a ser palpável!

    ResponderEliminar
  5. Respostas
    1. Tinha esperança que ninguém reparasse no hashtag.. :/

      Eliminar
  6. Acho que terias mais hipóteses de dançar samba na horizontal com algumas fashion bloggers se tivesses guardado a hashtag só para ti!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tu é que me podias apresentar algumas, que tens bastantes lá no teu burgo! :P

      Eliminar
  7. Eu calço o 41 e arranjo sempre sapatos! Eheheheh!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eh lá! Grandees barcaças! :P Medes quanto?

      Eliminar
  8. Podia fazer umas piadas controversas com essa de Deus não ter mãos para as tuas partes...mas já sou anti fashion...anti pessoas demasiado felizes...anti depressivas...anti religiosidades seria um atributo fofinho...mas vou dormir

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Aqui pode-se fazer tudo. Tuuuuudo! Avança! :P

      Eliminar
  9. ah que à francesa é que se quer!
    Um croissant ao pequeno almoço não era mal pensado.

    Dois beijos *

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Essa do "croissant" foi um trocadilho não foi? Ou sou eu que estou a ficar ordinário? :P
      Seja bem-vinda! Dois beijos também * *

      Eliminar
  10. Então Pedro? Andas desaparecido daqui e do quimera do facenice... Acho indecente :) *

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ando com algum trabalho, o que me está a entupir a veia da parvoíce. :/

      Eliminar
    2. então bom trabalho :) you know, não tens que escrever só parvoíces! não sei, digo eu, que percebo pouco do assunto ;)

      Eliminar
  11. homens nas compras, priceless! Eu acho que te vou contar um segredo... as mulheres gostam de "ir às compras" e depois aparecemos sem nada porque fomos mas é ver os gajos a patinar nas compras. Eu geralmente levo pipocas ;)

    Olha sabes que mais, adorei o teu blog, tou-te a seguir!

    ResponderEliminar